O IMPACTO DA RESISTÊNCIA NA VELOCIDADE DO NADADOR

A Resistência é uma das principais forças que dificultam a Velocidade. Em Natação, a resistência hidrodinâmica é o principal obstáculo ao avanço do nadador. Ela aumenta conforme aumenta a velocidade do nadador, assim um nadador finalista mundial enfrentará uma resistência muito maior do que um nadador mirim, por exemplo.

São 3, os tipos de resistência envolvidos na natação. Uma delas, a resistência de fricção ou atrito corporal, teve uma grande redução, com o surgimento e aprovação dos modernos trajes tecnológicos, sendo que as mulheres levam grande vantagem, já que estes trajes compactam as partes anatômicas com maior quantidade de tecido adiposo, reduzindo bastante a superfície do corpo na água, além de serem impermeáveis.

Os trajes femininos vão dos ombros aos joelhos, enquanto que os masculinos são somente bermudas. Provavelmente, uma das razões do porque nos últimos anos, os recordes femininos tem caído bem mais que os masculinos.

Enquanto isso, há um longo tempo, normalmente na noite anterior a prova, os nadadores vem se depilando. Quando o pêlo do corpo é removido, as células mortas da pele vêm junto com ele, proporcionando a sensação de leveza e redução de atrito. Os pelos humanos não exercem resistência ao avanço do nadador devido a baixa velocidade que os humanos podem atingir na água, comparados a peixes ou barcos. Porém, sabe-se que a sensação cinestésica proporcionada pela depilação, causa um grande efeito psicológico positivo no atleta.

Mas o outro tipo de resistência, que impacta muito no nadador, é o da forma. Esta é  determinada pela forma do corpo e principalmente pela posição que o corpo do nadador ocupa na água durante o nado. O corpo humano não é ideal ou perfeito para que a massa de água o contorne rapidamente ou que ele atravesse com velocidade a água, principalmente se comparado ao corpo dos peixes.

Assim o corpo do nadador deve ocupar a melhor posição hidrodinâmica possível durante o nado, e durante a prova, combinar movimentos de braços e pernas, não somente que o impulsionem a frente, mas que as execuções sejam menos resistivas possíveis.

3911703

A busca pelo resultado é que fez o mundo da natação buscar novas formas de nadar, tornando óbvio que a “TÉCNICA”  do nadar evolua.   Este constante aperfeiçoamento técnico tem o objetivo principal de AUMENTAR A VELOCIDADE.

Aumentar a velocidade não significa que o nadador tem que aumentar o ritmo do nado. Na verdade o nadador deve aumentar a amplitude do nado, um fundamento pouco explorado e trabalhado, eu diria até desconhecido por muitos e muitos profissionais. A amplitude da braçada, também está diretamente ligada a distancia da prova.

Conhecendo estes 2 conceitos de resistência, o básico do básico, é que nós como profissionais, temos o dever e a obrigação de “ensinarmos” na prática, a melhor técnica possível aos alunos de natação nas escolinhas durante o aprendizado.

 

 

As crianças desde o seu primeiro deslize, nas aulas de natação, devem aprender a TÉCNICA adequada. Não se pode negligenciar as técnicas durante o aprendizado. Nenhum outro tipo de aprendizado como falar, escrever, na matemática, etc…, etc… são ensinados de maneira “errada”.

Não confunda TÉCNICA com VARIAÇÕES DA TÉCNICA! Por exemplo, a técnica da pernada no nado livre deve ser a mesma nas variações de 2, 4 ou 6 tempos! Diga-se de passagem que pernadas abaixo dos 6 tempos, há muito, não são mais competitivas. Já há nadadores com 8 tempos e com 12 tempos (ascendente e descendente, antes que me critiquem!).

A TÉCNICA REDUZ A RESISTÊNCIA! A TÉCNICA AUMENTA A VELOCIDADE! E MAIS, A TÉCNICA REDUZ O CUSTO ENERGÉTICO E FARÁ COM QUE LÁ NA FRENTE, NOSSOS ATLETAS RENDAM MUITO MAIS! FARÁ COM QUE TREINADORES, GASTEM SEU TEMPO DE TRABALHO “APERFEIÇOANDO” A TÉCNICA!

Ensinar a NATAÇÃO SEM A MELHOR TÉCNICA, é TIRAR O DIREITO DO SEU ALUNO, ESCOLHER SER ATLETA! Um programa de natação tem o dever de oferecer o melhor ao seu cliente. Assim como não são os professores de Matemática ou Biologia, que decidirão se o aluno será um Engenheiro ou Médico, não é o Professor de Natação que decidirá que as crianças não serão atletas!

Os professores de natação NÃO PODEM MATAR O FUTURO COMPETITIVO DO PAÍS E DE TIRAR A CHANCE DAS CRIANÇAS DE EXPERIMENTAREM O LADO COMPETITIVO! O programa de natação para as crianças deve ser LÚDICO SIM, mas dentro de todos os padrões biomecânicos corretos, adequados com a maturidade de cada um.

Por isso nas CLÍNICAS DE NATAÇÃO GOLD, estamos preocupados em CAPACITAR Estudantes, Professores e Treinadores e também proporcionamos aos Nadadores aulas onde serão capazes de entender estes fundamentos.

A CLÍNICA GOLD pode ser realizada na sua Escola, Academia ou Clube, como também você poderá vir ao GOLD BRASÍLIA de 18 a 21 de julho.

ACESSE  goldaltaperformance.com

 

 

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.